ARC&VB convida instituições regionais do Circuito Entre Serras e Águas para encontro com equipe do SENAC

Publicado em 10/12/2013
Imagem do Artigo ARC&VB convida instituições regionais do Circuito Entre Serras e Águas para encontro com equipe do SENAC

Equipe do ARC&VB participa do 6º Encuentro Latinoamericano
e 4º Congresso Brasileiro de CVBs

Carlos Aquino, gerente executivo e a responsável pelo relacionamento com associados, eventos e comunicação Daniela Bebber participaram do evento que aconteceu entre os dias 1 e 5 de dezembro, no Costão do Santinho em Florianópolis.

Os encontros têm por objetivo o desenvolvimento da troca de experiências e conhecimentos entre os CVBx da América Latina, com a finalidade  de gerar  um produto contínuo entre essas instituições, em prol de um crescimento sustentável do Mercado do Turismo de Reuniões e eventos da América Latina, além de um permanente e profissional trabalho em rede, capacitação e promoção regional em bloco dos destinos.

Aberto  a todos os membros de Convention & Visitors Bureau da América Latina, executivos e suas equipes de trabalho, empresários, profissionais do setor de Turismo de Reuniões e eventos, entidades governamentais, mistas e privadas convidadas e todas aquelas figuras jurídicas interessadas no destino.

Palestrantes com grande influencia e conhecimento de CVBs  como Anita Pires - Presidente da ABEOC  Asociação Brasileira de Organizadores de Eventos; Toni Sando - Presidente Executivo de São Paulo Convention & Visitors Bureau; Maitê Ulmann - Superintendente de Recife Convention & Visitors Bureau falaram sobre sua experiência no turismo através de temas como “Gestão Eficaz de Room-Tax”, “Captação e organização de eventos nacionais e internacionais” e “mitos e realidades sobre o impacto na venda do destino”.

Também foi encaminhada a criação da “Associação Latinoamericana de CVBX” representado por Miguel Harraca do Rosário CVB (Argentina).

"O Encontro foi importante momento de troca de experiências e informações entre as entidades participantes, e apontou para a necessidade da busca constante da melhoria da prestação de serviços que o CVB’s oferecem. Adequar a captação de eventos as facilidades do destino, inovar, implantar um banco de dados capaz de subsidiar a tomada de decisão por aquele que define o destino, criar uma cultura cooperativa entre os empresários locais, acabando de vez com o individualismo que é claro sinal de atraso de uma região(segundo palavras de Anita Pires), mostrar à comunidade a importância do ponto de vista macroeconômico do trabalho realizado pelos CVB’s  entre outros pontos avaliados, que certamente contribuirão muito para nosso desenvolvimento", complementa Carlos Aquino, Gerente Executivo do ARC&VB.